Cálculos Renais

Cálculos Renais

Cálculos Renais, também conhecidos como nefrolitíase ou “pedra nos rins”, tratam-se de pequenas pedras que se formam dentro dos rins. Ocorrem quando a concentração de certos sais encontrados normalmente na urina (cálcio, fosfato, oxalato, ácido úrico., etc.) aumenta o suficiente para superar sua capacidade de solubilização na urina, provocando sua precipitação na forma de pequenos cristais. Com o passar do tempo estes cristais crescem, dando origem aos cálculos renais.

👉 Sintomas:
Dor ao urinar, sangue na urina, “poeira” na urina (pequenos fragmentos de cálculos renais), infecção urinária, náusea, vômito e urgência para ir ao banheiro.
É importante destacar que existem os Cálculos Renais Assintomáticos. Dessa forma, algumas pedras podem permanecer nos rins por anos sem manifestar qualquer sintoma e são apenas visíveis em exames de imagem (ultrassom, por exemplo).

👉 Diagnóstico:
Geralmente é realizado por meio de exames de imagem como o ultrassom e a tomografia computadorizada.

👉 Tratamento:
Se o paciente estiver com a dor controlada e se alimentando bem, é possível tratar a crise por meio de medicamentos para dor (analgésicos e anti-inflamatórios) até que o cálculo seja naturalmente expelido na urina.
Se as pedras forem grandes demais para saírem naturalmente, é necessário realizar procedimentos específicos para quebrá-las e retirá-las.

Após uma crise de pedra nos rins, o paciente deve ser submetido a exames de sangue e de urina a fim de determinar se há alguma condição de saúde ou hábitos alimentares incorretos que possam estar relacionados ao desenvolvimento dos cálculos.

As diretrizes de tratamento para Cálculo Renal pela Sociedade Brasileira de Urologia 9SBU) podem ser encontradas AQUI

Quer saber mais sobre Cálculos Renais?? CLIQUE AQUI

No Comments

Post A Comment

WhatsApp chat